Do contra, eu sou.

1 01 2015

Eu gosto de segundas-feiras.

Não gosto de domingos.

Não gosto de Natal.

Mas, contrariando todo mundo, amo amigo oculto.

E não estou sozinho nessa.

E não estou sozinho nessa.

Continue lendo »





Prazer, eu sou o cabelo real da Janaina – Parte 2

30 01 2014

Pois bem.

E eu continuo aqui, com cabelo crespo e curto, observando as mudanças no meu dia a dia e na forma como as pessoas me percebem agora – e sobre isso que eu quero falar nessa segunda parte do texto, depois de falar das questões mais técnicas, mais objetivas na primeira. O que não muda, de qualquer forma, é que eu continuo AMANDO ter cortado o cabelo e tê-lo assumido crespo. 🙂

Mas, como eu tinha adiantado naquele post, uma das coisas mais interessantes é a reação das pessoas ao meu visual novo. Muita, muita, muita gente mesmo achou lindo e veio me dizer que foi uma decisão excelente, que até combinou mais comigo, que me deixou mais jovem, mais alegre, destacou meu rosto, etc. Algumas dessas pessoas já me sugeriam usar o cabelo natural há muito tempo, mas né, como eu disse, antes o “contexto” não me era favorável. Continue lendo »





Não seja o mais f*dido e nem o mais foda

20 12 2013
Quem dera fosse Banco Imobiliário... quem dera!

Quem dera fosse Banco Imobiliário… quem dera!

As pessoas jogam jogos. O tempo todo. E eu não estou falando do War, Perfil, Banco Imobiliário, Imagem & Ação ou Jogo da Vida, mas sim desses joguinhos chatos que nos fazem perder a fé uns nos outros, ter preguiça de dar chance a alguém novo ou preferir fingir que o celular tocou a continuar aquela conversa.

Mas tem um desses jogos que, na minha opinião, é um dos mais chatos e mais jogados por aí: o Jogo do Mais F*dido.

Continue lendo »








%d blogueiros gostam disto: