Assuntos relacionados

19 04 2020

Tudo começou quando resolvi tomar meu café da manhã no peitoral da janela da sala, onde batia um sol delicioso no domingo. O plano era terminar de comer e aproveitar a luz do dia para fazer as unhas e aí curtir uma musiquinha no sofá.

Enquanto olhava o movimento ralo por causa do isolamento social causado pela pandemia, notei as plantas meio secas, então peguei uma vasilha de água e molhei todas elas. Antes que o vaso que fica suspenso bem em cima do sofá começasse a pingar, peguei um balde e coloquei embaixo.

Os gatos vieram tomar sol na mesma janela que eu e, no meio dessa disputa de espaço, um deles derrubou o balde no meu sofá, encharcando ele. Nessa hora lembrei do secador de cabelo recém-ganhado, e tive a ideia de usá-lo para secar o estofado.

Trouxe o aparelho e liguei no filtro de linha que fica atrás da estante, onde estão ligados os outros aparelhos da sala também. Assim que liguei, tudo apagou. Continue lendo »








%d blogueiros gostam disto: